Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2010

Bullying e a Psicopedagogia

BULLYING E A PSICOPEDAGOGIA

Neusa Marli Rauch Littig

ABSTRACT
The present work presents a research into bibliographical sources, aiming at analyzing situations of violence and indiscipline at school. The research revealed the main factors and the consequences of bullying on the lives of people who have experienced it, such as fear and emotional and psychological problems. Bullying is also associated to school failure and evasion. Studies show a worrying incidence of bullying in schools around the whole world. In spite of it, bullying occurrences have been usually unconsidered. In this study, we intend to show possible answers for the following questions: what is the family’s role in face of this problem, once children follow social interaction standards according to what they experience at their own homes? How can we help children so that they can act differently? How can a psychopedagogue act to improve the personal relationships of individuals involved in bullying acts, preventing …

Psicopedagogia Institucional

ANÁLISE DO PERFIL PSICOPEDAGÓGICO DA INSTITUIÇÃO

Simone dos Santos Antonio

O objetivo deste artigo é de compreender a atuação do psicopedagogo no âmbito institucional, juntamente com as necessidades e realidades vividas pelas escolas atualmente. O docente precisa motivar e envolver seus alunos para que se sintam estimulados para o seu desenvolvimento, proporcionando um ambiente que conferir ao aluno criar, comparar, discutir e perguntar, ou seja, aplicar e adquirir os conhecimentos. A intenção desse trabalho é proporcionar ao psicopedagogo, que tem um papel muito importante nesse processo de diagnostico e intervenção, um exemplo de intervenção, desde sua análise educacional, individual e até mesmo a análise da vivência individual de cada aluno envolvido. Vemos a necessidade que os alunos possuem de criar vínculos com seus professores, facilitando seu desenvolvimento cognitivo. No desenvolver o artigo fico fácil perceber a importância de um diagnóstico preciso, onde são ouvidas as dif…

Agressividade nos desenhos

Parecer psicológico sobre o desenho animado "Pokémons"

pelo psicólogo Fernando Falabella Tavares de Lima (fernando@netpsi.com.br)




O Desenho Pokémon’s e a Agressividade nas Crianças e Adolescentes

Inicialmente, é conveniente salientar que este texto não tem como base nenhuma pesquisa específica sobre o tema em questão. Até o presente momento não tivemos contato com nenhuma publicação específica relacionando o desenho animado em questão com o comportamento agressivo nas crianças e adolescentes. Convém salientar, ainda, que não estamos fazendo um estudo médico-neurológico sobre possíveis efeitos do desenho animado em questão como desencadeador de possíveis crises epilépticas do tipo fotossensível. Há alguns anos atrás, foram registrados alguns casos desses no Japão, mas até aonde temos conhecimento, o fator desencadeador das crises foi solucionado.

Contudo, é sabido que os programas de televisão, assim como os jogos eletrônicos violentos (videogame e/ou microcomputadores), pod…

Medo

A inconveniência do medo!
Prof. Chafic Jbeili - www.unicead.com.br

Ah o medo! Na medida certa nos preserva a vida, nos faz calar na hora certa, nos faz baixar a cabeça e oportunamente recuar de uma investida fadada ao fracasso. Por causa do medo olhamos se vem carro antes de atravessar a rua.

O medo nos dá mais tempo para pensar e produzir mais pensamentos antes de uma escolha ou de uma ação importante. O medo nos preserva não apenas a vida, mas também os dentes, o emprego e o status social.

Ah o medo, quão oportuno és na justa medida! Mas quem sabe ao certo sua medida? A criança assustada que chora ao som de um repentino bater de palmas? Ou será que é aquela que teme dar os primeiros passos e se agarra em tudo? Ou ainda, aquela que exita tirar as rodinhas da bicicleta com medo de cair? Será este sabedor da justa medida o adolescente que sua frio ante a “pagação” de um mico ou será o jovem que desafia os pais arriscando perder seu amor e sua provisão? Quem de nós sabe qual a boa medida d…

Raiva

Mariana ficou toda feliz, porque ganhou de presente um joguinho de chá, todo azulzinho, com bolinhas amarelas.

No dia seguinte, Júlia, sua amiguinha, veio bem cedo convidá-la para brincar...

Mariana não podia, pois naquela manhã iria sair com sua mãe...


Júlia então pediu à coleguinha que lhe emprestasse o seu conjuntinho de chá, para que ela pudesse brincar sozinha, na garagem do prédio.

Mariana não queria emprestar, mas, com a insistência da amiga, resolveu ceder, fazendo questão de demonstrar todo o seu ciúme por aquele brinquedo tão especial.

Ao regressar do passeio, Mariana ficou chocada ao ver o seu conjuntinho de chá jogado no chão.

Faltavam algumas xícaras e a bandejinha estava toda quebrada.

Chorando e muito nervosa, Mariana desabafou:

"Está vendo, mamãe, o que a Júlia fez comigo?
Emprestei o meu brinquedo, ela estragou tudo e ainda deixou jogado no chão.

Totalmente descontrolada, Mariana queria, porque queria, ir ao apartamento de Júlia p/ pedir explicações.

Mas a mãe, com muito c…

Mafalda Ecológica

Stress afeta memória e aprendizagem

Para entender como o stress afeta a memória, vamos a alguns dados básicos sobre como as memórias são formadas (consolidadas), como são recordadas e como podem desaparecer. A memória não é monolítica: pode ter vários “sabores”. Uma dicotomia particularmente importante é a entre memórias de curto e longo prazo. Com a primeira, você lê um número de telefone, corre pela sala antes de esquecê-lo e martela os dígitos. Depois o número se perde para sempre. Já a memória de longo prazo é a que você usa para se lembrar do que comeu no jantar de ontem, quantos netos tem ou onde fez a faculdade. Outra distinção importante é entre memória explícita (também conhecida como declarativa) e implícita (que inclui um subtipo importante, a chamada memória processual), memória explícita se refere a fatos e eventos, ao lado de sua percepção consciente de sabê-los: sou um mamífero, hoje é segunda-feira, meu dentista tem sobrancelhas grossas. Já as memórias implícitas processuais têm a ver com habilidades e h…